Bastidores do Carnaval de Vitória serão destaques no jornal A Gazeta

A coluna Ziriguidum, assinada pela jornalista Any Cometti, começa a ser publicada nesta quarta-feira (23)

Por lrosado - atualizado em 22/01/2019 as 17:01

Aos amantes do carnaval, uma ótima notícia. A partir desta quarta-feira (23), o samba passa a ter um lugar cativo no jornal A Gazeta. A coluna Ziriguidum, que mostra os bastidores do Carnaval de Vitória e da festa em todo o Brasil, estará de volta.

A titular da coluna desta vez será a jornalista Any Cometti, de 26 anos, que é mestranda em Mídia e Cotidiano na Universidade Federal Fluminense (UFF), no Rio de Janeiro, com uma dissertação sobre carnaval de escolas de samba.

Duas vezes por semana, Any vai trazer para os leitores de A Gazeta informações sobre as agremiações que vão desfilar em Vitória e também curiosidades dos blocos que animarão os foliões.

“Vai ser uma coluna para o povo do samba, mas para o povo do bloco de rua, também. Quero tentar embarcar apaixonados por todo tipo de Carnaval. Acho que esse é um dos baratos dessa festa: ela não discrimina, tem espaço pra todo mundo”, comenta Any, que se formou em jornalismo na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes).

Nascida na capital, a jornalista desfila desde 2008 no Carnaval de Vitória. Mangueirense de coração, começou desfilando em Vitória só em alas, como foliona, e já passou por equipes de harmonia, bateria, passista e destaque de chão. Any já desfilou em seis escolas capixabas.

“No Espírito Santo, muita gente me pergunta de qual escola eu sou, e eu digo que aqui eu sou do Carnaval. Amo todas as escolas, cada uma com sua particularidade, e me recordo de desfiles memoráveis de várias delas”, acrescenta a jornalista.

E a jornalista levou o amor pelo carnaval para a sala de aula. Na universidade, fez como trabalho de conclusão de curso um livro reportagem com os perfis de 14 mulheres do carnaval capixaba, entre baianas, rainha, diretoras, presidentes, porta-bandeiras e costureiras.

A coluna Ziriguidum será publicada duas vezes por semana, às quartas e sábados.

(Com informações de Caíque Verli)

Opine

Envie o seu comentário para a Rede Gazeta. A sua participação é muito importante para nós.